+55 (11) 2103-4545contato@virtualgate.com.br

Fluxo de clientes cai 6,8% em 2015

O ano de 2015 registrou redução de 6,8% se comparado a 2014, em relação ao fluxo de pessoas no varejo físico. O último trimestre de 2015, que poderia auxiliar na recuperação do ano, foi o que registrou a segunda maior queda, ficando atrás do segundo trimestre com 7,7% a menos em comparação com 2014. Os números são da Virtual Gate, empresa especializada no monitoramento de tráfego de pessoas em lojas de varejo.

fechamento1

 Os dados mostram também que a região Sul foi a que registrou a maior redução durante 2015 em relação ao ano anterior.

fechamento 2

A curva de flutuação mensal de fluxo de 2015 manteve-se similar a do ano anterior em quase todos os meses. Além disso, o percentual de crescimento de dezembro de 2015 em relação ao mês anterior foi maior que o registrado no mesmo comparativo de 2014, motivado pela curva ascendente de novembro de 2015 ter sido menor que o mesmo mês de 2014.

fechamento3

Embora os dois últimos anos tenha mostrado curva de flutuação de fluxo similar, o ano de 2015 registrou menor fluxo que o anterior em todos os meses, com variações entre 2,8% (como em julho) a mais de 10% (como em novembro).

fechamento4

De acordo com Caio Camargo, diretor de Relações Institucionais da Virtual Gate, o resultado do fluxo menor de pessoas no varejo físico em 2015 é consequência da recessão que o país vem enfrentando. “Os consumidores estão mais cautelosos e esse cenário foi influenciado pelo aumento da taxa de juros, da inflação, escassez de crédito e o desempenho do emprego e da renda”, afirma Camargo.

A base analisada conta com mais de 1200 pontos de medições (lojas) adota a Classificação Nacional de Atividades Econômicas – CNAE, na sua versão mais atual 2.0, ponto de referencia Base 100 = Janeiro de cada ano para comparativos anuais, e Base = 100 primeiro mês analisado no comparativo mês a mês.